Sem categoria

Wilton Barroso é homenageado durante o XVI Congresso da Abralic

By agosto 1, 2019 No Comments

Por Nathália Coelho e Denise Moreira

Atuar no processo de internacionalização da Universidade de Brasília era uma das frentes de trabalho do prof. Wilton Barroso Filho, para além da sua função de docente. Um dos acordos estabelecidos foi com a Universidade de Rennes 2, na França. Lá, Barroso e prof. Rogério Lima, do Departamento de Teoria Literária (TEL/UnB), conheceram a prof. baiana Rita Olivieri Godet.

Godet foi a escolhida para receber o prêmio Blaise Cendrars, criado pela Diretoria da Abralic para agradecer a contribuição de acadêmicos em universidades internacionais, pelo estudo da literatura brasileira a partir do comparatismo. A homenagem à professora – feita no último dia do evento – deveria ter sido conduzida pelo segundo secretário da atual diretoria, Wilton Barroso Filho.

No entanto, devido ao falecimento do professor, o então presidente da Abralic, Rogério Lima, entregou o prêmio, ao lado da vice-presidente, Betina Cunha. Lima e Godet prestaram homenagem a Barroso.

Confira a íntegra no vídeo!

Homenagem em conferência

No segundo dia de Congresso, a conferência foi feita pela prof. Seloua Luste Boulbina, da Universidade Denis Diderot Paris 7. Antes começar a fala, Boulbina dedicou a comunicação ao seu amigo Wilton Barroso Filho.

Numa tradução livre, Seloua disse:

“Gostaria de dedicar esta comunicação a Wilton Barroso com quem tinha conversado antes de propor este tema. E eu gostaria de lhes dizer que eu já estive aqui em 2016 pela primeira vez e foi naquele momento que encontrei Wilton e Rogério, que se tornaram meus amigos e agradeço também a Raissa, filha do Wilton, que veio para assistir esta conferência que intitulei de ‘As margens da raça saída do Império e de seus emaranhados’ eu lamento muito, mas não falo português.

Para assistir ao momento, clique no vídeo:

Leave a Reply